Um Solo para a Sociedade – Companhia Paulo Ribeiro e ANIMAballet – Companhia Jovem

A carregar Eventos
  • Este evento já decorreu.

Um Solo para a Sociedade – Companhia Paulo Ribeiro e ANIMAballet – Companhia Jovem

2020/10/16 00:00 - 2020/10/18 23:59

© António M Cabrita

Um Solo para a Sociedade – Companhia Paulo Ribeiro e ANIMAballet –
Companhia Jovem
16 > 18 Out

16 Out
Espetáculo   21:00

17 Out
Workshop   14:30 > 17:00
Limite: 15 inscritos
Público: Alunos e profissionais de dança a partir dos 15 anos
Preço: 5€

18 Out
Espetáculo  18:00

 

M/6      Bilhete Espetáculo  9,50€

Produção
CMF  e Escola de Dança do Funchal

ANIMAballet
Companhia Jovem

Um Solo para a Sociedade de São Castro e António Cabrita
Produção Companhia Paulo Ribeiro

“A partir do monólogo “O Contrabaixo”, de Patrick Süskind, São Castro e António M Cabrita aprofundam a reflexão sobre como as pessoas ocupam um território comum, abordando problemáticas que norteiam a condição humana; ampliando o gesto como movimento elaborado e exteriorizado dessa reflexão. “

Com peça de abertura (Des)Conexão de Hugo Rodrigues
ANIMAballet – Companhia Jovem

“Em tempos em que os limites do distanciamento social são um grande debate entre a sociedade, até onde podemos delinear o permitido, do aconselhado e do desejado.”

Informações Workshop

Nome do Workshop: Repertório de São Castro e António M Cabrita, baseado na peça “Um Solo para a Sociedade” com Miguel Santos – Intérprete da peça “Um Solo para a Sociedade”
Produção: Companhia Paulo Ribeiro
Material necessário: Roupa prática e confortável para dançar, meias e cabelo apanhado.

Este workshop propõe uma partilha do processo criativo que levou à criação da peça Um Solo para a Sociedade dos coreógrafos António Cabrita e São Castro, abordando o texto e dramaturgia que inspirou a construção deste trabalho: O Contrabaixo, de Patrick Süskind.
Os participantes serão desafiados a refletir, através dos movimentos propostos, sobre a ideia de território comum e sobre a concepção de indivíduo que preserva a sua individualidade e a vontade de sobressair. Questões traduzidas no corpo, como elemento de linguagem simbólica, sem depender ou limitar-se pela palavra, mas aproveitando o seu significado para exteriorizar o poder da expressão do corpo.

Detalhes

Início:
2020/10/16 00:00
Fim:
2020/10/18 23:59
Categoria de Evento:

Local

Sala de espetáculos